Pode parecer simples, mas os detalhes do projeto dessa biblioteca, assinado pela arquiteta Zize Zink, tornam o ambiente ainda mais interessante.

A caixa preta tem estantes iluminadas por meio de cortes de 2 cm na madeira o que, junto com a dimerização, faz com que a iluminação seja suave e não se perceba de onde vem a luz. Normalmente esse vão é de 4 cm, o que permite que se vejam as bolinhas da iluminação em Led.

O sofá azul turquesa e o tapete listrado contrastam com o preto e dão um ar  contemporâneo e ao mesmo tempo ousado ao ambiente.

“Eu fiquei bem satisfeita com esse trabalho e o cliente também” conclui Zize.

 

Comentários

comentários

Como decorar a primeira casa de uma maneira bem bacana e descolada Cozinhas integradas, acabamentos e outras novidades
%d blogueiros gostam disto: