Dia 11 de Setembro, Palácio Tangará

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn

É possível reduzir o consumo de energia, diminuir custos e aumentar lucros buscando alternativas mais limpas e sustentáveis?


Usar de forma racional a energia disponível e buscar fontes renováveis é um desafio permanente e estratégico para empresas, governos e cidadãos.
Difundir tecnologias e experiências que possam ajudar nesse sentido deve ser um compromisso permanente da sociedade. O mundo está preparado para a era póspetróleo?
Até países líderes de produção, como a Arábia Saudita, já intensificam o uso de fontes
alternativas, por questões climáticas e de preservação do meio ambiente. E o Brasil, que já viveu crises relacionadas à falta e ao custo elevado da energia, já está caminhando para uma diversidade da matriz energética?
Esta edição do Fórum Mitos & Fatos - Jovem Pan Discute reúne especialistas, autoridades e empresários focados no debate sobre Energia.
Como alcançar maior eficiência energética, com menor impacto ambiental?

Programação

Dyogo Oliveira
Ministro do Planejamento

Matriz energética: como o Brasil pode reduzir a dependência da energia hidrelétrica?

Atividade econômica: como aumentar a e ciência energética das empresas?

Energia sustentável: quais as vantagens e desvantagens do uso de fontes alternativas de energia?

Painel 4 – Transição Energética Global: a busca pela menor emissão de gases de efeito estufa.

Wilson Ferreira Jr.
Presidente da Eletrobrás

Palestra de Abertura

Dyogo Oliveira

Ministro do Planejamento

Encerramento

Wilson Ferreira Jr.

Presidente da Eletrobrás

Painel 1: Matriz energética: como o Brasil pode reduzir a dependência da energia hidrelétrica?


O Brasil viveu a crise do apagão em 2001.
Em 2014 e 2015, diante da escassez de chuvas, veio uma nova crise, que levou ao
uso das termelétricas e contribuiu para o tarifaço.
O Brasil está se preparando para uma menor dependência da energia hidrelétrica?
O aumento da produção de gás começa a viabilizar financeiramente o investimento
em termelétricas, e o País já desponta no uso de fontes alternativas e sustentáveis,
como a eólica e a solar.
Fomos pioneiros na produção do etanol em substituição ao petróleo. Que lições
podemos tirar disso? Como ficam as perspectivas de uma nova matriz energética
com o Pré-Sal?

Painel 2: Atividade econômica: como aumentar a eficiência energética das empresas?


Em todos os ramos de atividade, as empresas buscam maior eficiência energética. A utilização de energias alternativas é um caminho sem volta para comércio, indústria, serviços e construção civil.
Mas até que ponto as empresas brasileiras têm essa preocupação e buscam enfrentar esse desafio? Como podem reduzir o impacto das crises já enfrentadas pelo País, nos apagões e aumentos de tarifas? Como cada ramo de atividade pode melhorar a eficiência energética? Quais as experiências que deram melhores resultados lá fora - ou aqui dentro - e que podem ser aplicadas?

Painel 3: Energia sustentável: quais as vantagens e desvantagens do uso de fontes alternativas de energia?


A preocupação ambiental com a substituição de fontes de energia por alternativas limpas e sustentáveis muitas vezes esbarra nos altos custos e na baixa eficiência, do ponto de vista econômico.
Como avaliar as vantagens das várias fontes alternativas de energia, como a eólica, a solar e de biomassa? Em que estágio está a aplicação dessas alternativas no Brasil e no exterior?
Quais são as experiências bem sucedidas nos transportes, nas cidades e no setor produtivo? A população já se conscientizou para essa nova realidade?

Painel 4: Transição Energética Global: a busca pela menor emissão de gases de efeito estufa.


Acordos internacionais preveem a redução gradual da emissão de gases de efeito estufa, o que impulsiona pesquisas por fontes alternativas de energia e a diversificação das matrizes energéticas.
Qual o futuro da utilização do petróleo e do gás? Que papel o Brasil pode ter nessa transição, diante dos recursos que dispõe? Como suprir as necessidades de energia, preservando o meio ambiente, reduzindo os fatores que contribuem para o aquecimento global, sem comprometer o desenvolvimento econômico e a melhoria do bem estar da população?

Como Chegar


Local:

Palácio Tangará

R. Dep. Laércio Corte, 1501
Panamby, São Paulo
SP, 05706-290, Brazil