Navegação de Posts

A importância da assistência pré-natal

A assistência pré-natal é um conjunto de medidas de natureza médica, social, psicológica, fisioterápica e de cuidados gerais que visa propiciar à mulher gestante o desenvolvimento da gravidez de forma saudável.

Seu objetivo é que a mulher se sinta bem, do ponto de vista físico e psíquico, durante todo o período gestacional e, quando vencidos os 9 meses, que ela esteja com sua saúde a mais perfeita possível para gerar um bebê saudável.

Dentro dessa proposta, a assistência pré-natal deve ser iniciada antes da concepção, de forma a garantir que a mulher esteja fisicamente apta, para garantir uma gravidez tranquila.

As consultas de pré-natal numa gestação de baixo risco, de forma geral, devem ser realizadas uma vez por mês, sendo que, entre algumas consultas, o intervalo pode ser menor. No último mês de gestação, as consultas deverão ser semanais.

A gestação costuma ser dividida em semanas, de forma que, até a 34ª, as consultas são mensais, depois quinzenais até a 36ª semana e, então, semanais até a realização do parto.

Seguindo as orientações médicas durante a fase pré-natal as chances de uma gestação tranquila e de um parto sem problemas aumentam muito, sendo portanto fundamental para a qualidade da gravidez.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • Luciano Saboia Lopes Filho

    Gostaria de um programa do Oliveira Junior (show da manhã) que falasse e entrevistasse um medico medalhão otorrino que conhecesse em profundidade as causas do Zumbido no Ouvido. Fique em baixo de uma árvore ouvindo milhões de cigarras cantando a vida toda no seu ouvido.O silencio festas de formatura é terrivel para o sofredores do zumbido. Agradeceria de coração. Luciano Saboia professor da FGV