O juiz Sérgio Moro participou do Roda Viva nesta segunda e comentou os personagens da ficção inspirados na figura dele. O jornalista Sérgio Dávila perguntou sobre a série O Mecanismo e o filme Polícia Federal: A Lei é Para Todos.

E se o juiz está satisfeito com a sua representação na ficção e acredita que tanto a série quanto o filme tem o papel de informar a respeito da corrupção, como um dos problemas sérios a serem enfrentados no Brasil, a ex presidente segue MUITO revoltada com a produção Netflix. Ontem, Dilma Rousseff convocou uma entrevista coletiva, na qual respondeu perguntas da imprensa estrangeira, em sua maioria sobre os ataques à caravana de Lula.

Na ocasião, aproveitou para se posicionar mais uma vez em relação à O Mecanismo. De acordo com a ex presidente, a Netflix está sendo usada para fazer campanha política, disponibilizando a série e que pretende alertar lideranças políticas de outros países sobre isso. Na teoria de Dilma, a direção do serviço não teria conhecimento do impacto político da série.

“Netflix não pode fazer campanha política. Vou falar para as lideranças políticas que eu encontrar. ‘Se está fazendo aqui, fará em seu país.’ Acho importante que a gestão do Netflix perceba bem o que está fazendo. Não sei se sabe. O cineasta talvez saiba, mas a direção do Netflix não está sabendo onde se meteu. E acho muito grave para ela. Não vejo porque uma estrutura como aquela dar margem para isso”

José Padilha também falou novamente sobre as críticas que a série de ficção vem recebendo da esquerda. Em relação ao boicote sugerido por alguns, ele declarou ao Globo, Padilha ironizou a iniciativa:

“Acho patético! Vão perder a quarta temporada de Narcos!”

Padilha também rebateu as afirmativas da ex presidente de que a série cria fake news:

“— A série mostra como PT e PMDB montaram um enorme esquema de corrupção de lavagem de dinheiro. Um esquema que lesou os brasileiros, com a participação clara de Lula e de Temer, que durante boa parte do tempo foram sócios na corrupção sistêmica, lógica estruturante da politica no Brasil. E a esquerda quer polemizar o uso do termo “estancar a sangria”? Não é preciso ser nenhum Sigmund Freud para concluir o que a esquerda revelou sobre si mesma ao se ater a este ponto”

Para a iIsto É, o diretor falou:

“A Lava Jato mostrou que PT e PMDB desviaram, juntos, bilhões de dólares dos cofres públicos. Lotearam o País, assim como o PSDB havia feito. Operaram o ‘mecanismo’. Parasitaram os brasileiros. Não há como negar.”

DEPOIS DO CINEMA: Me Chame Pelo Seu Nome Clipe sem corte e em live HD: Anitta lança Indecente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *