Recorde absoluto na plataforma de vídeos, o clipe para Despacito, de Luis Fonsi com Daddy Yankee, é o primeiro na história a bater 4 bi de visualizações. A marca foi alcançada nesta quarta,e  apenas coroa a excelente performance da publicação, que tem uma média de 14 milhões  visualizações diárias.

Hoje, Despacito é vídeo mais visto do ano em mais de 45 países, incluindo México, Espanha, Itália, Alemanha, Portugal, Grécia e Argentina. e não parou por aqui.

Motivos para o sucesso?

Featuring: Quando um artista já popular, chama outro, com apenas internacional, para fazer uma participação, isso ajuda a música a ganhar outros mercados. Luis Fonsi já era gigante no mercado latino, e Daddy Yankee já tinha sua penetração no mercado americano. O cara já até apareceu na lista dos 100 mais influentes da revista Time…

Justin Bieber: Quando saiu a versão de Justin Bieber, mais um passinho foi dado para a coroação da faixa original. Se os milhões de fãs de Bieber se interessaram minimamente na faixa, por ter vocais do seu ídolo, quando ouviram a original, com certeza foram pegos pelo efeito chiclete da canção. Boa jogada da gravadora!

Efeito chiclete: Esse é mérito dos autores da faixa, o trio ‎Erika Ender‎, ‎Luis Fonsi‎ e ‎Daddy Yankee. Nem preciso explicar essa. É só você fazer o teste! Ouça Despacito pela manhã e veja se não fica com os versos na cabeça pelo dia todo.

Reggaeton: O mundo pop se rendeu ao balanço do ritmo que vem ditando a levada de diversos lançamentos. Convergência de “o mundo estava pronto para ouvir um hit latino” com o lançamento de uma ótima faixa.

 

Dan Brown explica teoria que prenuncia o fim de Deus Mais um Xeque-Mate de Anitta? Lá vem Is That For Me

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *